BLOG MOMENTOS DECISIVOS


Cinco dicas que todo palestrante deveria ler antes de criar uma palestra

SOAP Apresentações Profissionais
2.418 views
SOAP 5 dicas que todo palestrante deveria ler antes de criar uma palestra

Se você já acompanha os conteúdos da SOAP, deve ter em mente os fatores que garantem uma apresentação no estado da arte: roteiro, linguagem visual, oratória e comunicação estratégica. Uma apresentação é como uma orquestra, e cada um desses fatores é um instrumento. Todos precisam estar afinados e sincronizados. Uma nota tocada na hora errada prejudica o concerto.

 

Sendo assim, o que fazer para garantir o sucesso do espetáculo? Quem traz a resposta é Fernando Kimura, palestrante de Comunicação, Marketing Inconsciente, Humanização, Inclusão e Diversidade. Ele enumerou cinco dicas para alinhar todos esses pontos e trilhar o caminho até o sucesso.

 

1- Fuja dos clichês

A quantas palestras você foi nos últimos tempos que apresentaram o mesmo case de sucesso? Ou que usaram termos da moda, como “inteligência artificial”? Muitas vezes, é natural optar por formatos que já deram certo, mas, se você quiser se destacar, fuja do comum.

 

2- Cuidado com o ego

Passar a maior parte da apresentação falando de si mesmo ou da sua formação não contribui para o conhecimento da audiência e, consequentemente, não a conecta. Apresente-se, mas não deixe que o ego o transforme no centro da mensagem, foque no conteúdo.

 

3- Crie dissonância

Apresente vários pontos da mesma situação e deixe as pessoas escolherem qual caminho seguir. É interessante, dentro da apresentação, levar a sua audiência para um lado da história, depois para outro e até mesmo apresentar uma outra possibilidade mais surpreendente ainda no final.

 

“Uma apresentação de sucesso tem que oferecer à audiência uma perspectiva que ela ainda não tem sobre determinado

Fernando Kimura, palestrante de Comunicação, Marketing Inconsciente,
Humanização, Inclusão e Diversidade

 

4- Seja inesperado

Este é o ponto-chave! Ao criar o roteiro, pense que, em algum momento você precisa surpreender. Seja no slide, nos exemplos ou até mesmo no figurino (se a ocasião permitir, é claro!). Use tudo a seu favor e faça a sua apresentação se destacar. Por mais básico que seja o seu roteiro, ele precisa ter começo, meio e fim. Nesses três momentos, o conteúdo deve ser transmitido de forma cativante e o apresentador precisa garantir que não perderá a atenção de ninguém em nenhum deles.

 

Nos três primeiros slides, por exemplo, pense em como conquistar a atenção das pessoas. Vale apresentar questionamentos, imagens impactantes ou até mesmo música, se couber no tema. Utilize as melhores ferramentas para despertar o interesse do espectador.

 

5- Sincronize roteiro e linguagem visual

Por fim, mas igualmente importante, esquematize a apresentação como um todo. Todos os pontos devem conversar entre si e ajudar a audiência a trilhar pelos caminhos que você está conduzindo.

 

Cada um da plateia imagina o conteúdo de sua maneira, afinal, individualmente, carregamos um repertório próprio que interfere na interpretação de um mesmo fato. Ao utilizar a linguagem visual como ferramenta auxiliar de transmissão da mensagem, conseguimos igualar e direcionar a audiência para o que desejamos que ela veja ou compreenda.

 

“Não gosto de usar texto, muitas vezes uso só imagens com um título. Como não tem um monte de texto, em momento algum, eu olho para o slide, ele é apenas um apoio à história que estou contando. E a audiência se encanta com isso”.
Fernando Kimura

 

Agora, após essas dicas do Fernando, você se sente preparado para fazer uma apresentação de sucesso? Conte para a gente.