Loading

BLOG MOMENTOS DECISIVOS


Os 5 piores erros de uma apresentação comercial

SOAP Comunicação Corporativa
1.457 views

Chegou o seu grande dia. Hora de apresentar um novo produto para os clientes. Ou de conquistar aquela empresa na qual você está investindo há tantos meses. Aqui no blog, nós falamos muito sobre o que você deve fazer para impressionar e arrasar.

 

Mas, e o que não fazer durante uma apresentação comercial? Aprender sobre os erros mais comuns também ajuda a melhorar sua performance, uma vez que você saberá o que evitar. Muitos dos deslizes costumam ser causados por falta de atenção ou pela repetição de comportamentos. Confira quais são para não cair em ciladas!

 

1. Explicar demais sem falar da prática

 

Uma apresentação comercial profissional deve comunicar um produto ou um serviço. Só que construir essa apresentação inteiramente baseada nas características e detalhes desse produto ou serviço é um dos erros mais frequentes que observamos por aí.

 

O que deve ter destaque é qual problema aquilo que você está oferecendo vai resolver ou qual a diferença que fará na vida de quem fechar negócio. É comum vermos profissionais da área comercial contando detalhadamente sobre seus negócios ou contando a história do produto, e aí a chance de a plateia se perder (e perder o interesse) é grande.

 

Substitua a descrição minuciosa pelo impacto positivo que o seu produto vai gerar e como ou em quanto tempo esse benefício será sentido. É esse argumento que será vendedor.

 

Promova uma “apresentação de cafezinho”. Lembre-se de que a estrela da sua exposição comercial deve ser a famosa pergunta: “Que vantagem Maria leva?”.

 

2. Preencher toda a reunião com a apresentação

 

Outro erro crasso, mas muito frequente. O pensamento costuma ser o seguinte: “a reunião vai durar uma hora, então farei uma apresentação de uma hora”. Não deve ser assim, porque reunião é uma coisa, apresentação é outra.

 

Quando a reunião é totalmente preenchida por uma apresentação, elimina-se o tempo de debate e conversa. Essa troca é indispensável, porque é mais personalizada do que a apresentação. São pessoas colocando seus pontos de vista, suas perspectivas, e você, apresentador, interagindo e respondendo.

 

Este é o momento de conquistar de vez a confiança de seus interlocutores. Enquanto a apresentação traz slides com textos prontos, o debate ocorre na base da espontaneidade e da surpresa. É o momento de se fortalecer vínculos.

 

 

3. Fugir das perguntas espinhosas

 

A propósito dos debates, este é outro erro bastante frequente. As perguntas desafiadoras inevitavelmente virão, e precisamos estar preparados para elas — nem que seja para dizermos que não temos a resposta, mas que iremos buscá-la.

 

Costumamos encarar os questionamentos como um problema, mas trata-se do contrário: são as perguntas que podem gerar maior engajamento e, por isso, mais confiança. Então, ao construir sua apresentação comercial, prepare-se para estimular o público a questionar. E, quando as perguntas vierem, sustente-as, amplie o debate.

 

4. Excesso de confiança

 

Se a apresentação é interna, ou seja, para vender ideias dentro da própria empresa, é normal que nos sintamos mais à vontade. Mas eis aí outro perigo. Ainda que estejamos há muito tempo em uma empresa, isso não significa que a nossa apresentação será um sucesso. Precisamos tratá-la com a mesma seriedade de uma apresentação externa.

 

Podemos até entender tudo de um produto ou serviço, mas isso não significa que conseguiremos apresentá-lo da melhor forma possível. A dica aqui é cuidar atentamente do roteiro — até para fugir dele, caso a reação da plateia exija uma mudança de percurso. É preciso preparar-se tanto para seguir com o planejado quanto para o improviso.

 

5. Não sentir a audiência

 

A insensibilidade ao público é um problema. Uma apresentação profissional requer sentirmos a audiência, entendermos quais as suas reações ao que está sendo exposto. Desta forma, conseguimos perceber que tipo de interação funciona e o que precisa ser ajustado. Improviso e jogo de cintura fazem toda a diferença, aqui.

 

As pessoas tomam decisões com base em argumentos racionais, mas também são movidas por valores emocionais. Apresentações comerciais no estado da arte são aquelas capazes de criar vínculos afetivos entre apresentadores e seus públicos e conquistar também pela empatia.

 

Ao evitar esses erros, você certamente conseguirá construir apresentações mais empáticas e convincentes. E, se tiver alguma dificuldade, pode contar com a gente! É só enviar um e-mail para contato@soap.com.br ou telefonar para (11) 4084-4085 para vermos como podemos te ajudar.